Mestre da Arquitetura de Mies van der Rohe ou Blog de Arquitetura

Mestres da Arquitetura: Mies van der Rohe
Mestres da Arquitetura: Mies van der Rohe

imagem28-06-2019-02-06-20

Arquitetura

Mestre da Arquitetura de Mies van der Rohe

“A arquitetura começa quando você adiciona os dois tijolos com cuidado” Mies van der Rohe

Escrito por: em 22/09/2016

Nascido em Aachen, na alemanha, na fronteira com a Holanda, em 27 de março de 1886, Mies é considerado um dos arquitetos mais revolucionários do século xx. Aqui está um pouco sobre a vida e obra do criador do estilo particular, que trabalharam tanto a clássica como a nível local, e trabalhou na vanguarda da arquitetura. Com as características formais e a estética do moderno, Mies tem uma nova essência, e um monte de inspiração do mundo da arquitetura.

Foto: Wikipédia

 

Mies Van Der Rohe, seguido deur n’design de linhas puras em arquitetura. Isso significa que seus projetos têm sido desenvolvidos, para a maior parte, em linhas retas, que se juntam é sempre op n ângulo direito, nos fazendo passar por todos os detalhes com os olhos e dar a aparência de que o movimento do design. Apesar de o uso de matérias concretas, Mies é capaz, graças às suas linhas, com um olhar muito bonito e sofisticado.

 

Barcelona Pavilion (Foto: Net Jovem)O Pavilhão De Barcelona (Imagem: Net, Júnior)Nova Galeria Nacional (Foto: Google)

 

Em 1919, ele tinha a escola Bauhaus, Walter Gropius, a fim de formar artesãos, escultores, pintores e arquitetos para o desenvolvimento de novos produtos na indústria. “Vamos formar ofâ escola e a separação dos sexos que criar ofâ barreira entre o trabalhador e o artista. Conceberemos n’nova arquitetura, a arquitetura do futuro, em que a música, a pintura, a escultura e a arquitetura para vorm n’todo.” Esta é a primeira fotografia da escola, fundada em 1919 por Gropius. Que é que foi em uma escola alemã, que foi aliviado pela mudança para o design, as artes plásticas e a arquitetura.

 

Oficina de Desenho da Bauhaus (Foto: Estágio de Artista)O workshop sobre o Projeto da escola Bauhaus (Foto: Palco da Artista)

 

No momento, Mies Van Der Rohe, foi rejeitado, porque não seguir o espírito do nacionalismo, da Alemanha, que foi controlada pelas forças nazistas. Ele deixou o país em 1937, e, nos estados unidos, é reconhecido como um pioneiro da arquitetura moderna, com condições para promover a experiência. Influenciado pelo Expressionismo, o Suprematismo e o Construtivismo russo, no estilo de Mies, é definido por ele como “pele e ossos”. Uma técnica perfeita em detalhes, uma abordagem racional, “clean-up” da ordem, e as ordenanças, e minimalista. “Menos é mais”, e ele dizia o arquiteto.

 

Farnsworth House, Illinois (Foto: Farnsworth House)

 

No vidro, é um elemento muito importante no trabalho de Mies. Um bom exemplo de suas criações, este material está em casa Gosto, que é também chamada de a casa de vidro, que está localizado nos estados unidos da américa. Pela aplicação de vários conceitos no projeto, a casa oferece a transparência do vidro, a fluidez dos espaços, com o mínimo de linhas, e no sentido de que sua estrutura é flutuante. Nog n’trabalho impressionante é a casa Tugendhat, construído na década de 1930, na Tchecoslováquia. Ele também faz uso ofâ muitas janelas de vidro e materiais de alta qualidade, e trazer n’estilo requintado e de alta qualidade.

 

Tugendhat House (Foto: Metalos) Casa Tugendhat (Foto: Metalos)

Mies morreu em 17 de agosto de 1969, em Chicago, Illinois, estados unidos da américa. E ele tem um legado extraordinário de arquitetura. Você sabe de qualquer outra obra do arquiteto na fenomenal? Deixe-nos saber nos comentários.

22 de setembro de 2016
0


  • >

  • indow.com abertas(‘http://pinterest.com/pin/create/button/?url=https%3A%2F%2Fblogdaarquitetura.com%2Fmestres-da-arquitetura-mies-van-der-rohe%2F&description=Mestres Arquitetura de Mies van der Rohe&media=https%3A%2F%2Fblogdaarquitetura.com%2Fwp-content%2Fuploads%2F2016%2F09%2Ff_pic1568.jpg’, ‘versão completa:’, ‘scrollbars=yes,width=800,height=400′);pop-up.focus();return false;’>

arquitetura

a história da arquitetura

história da arte

Mies Van der Rohe

vidros

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*