Para conhecer as cidades considerado o mais inteligente do Brasil

Conheça as cidades consideradas as mais inteligentes do Brasil
Conheça as cidades consideradas as mais inteligentes do Brasil

imagem14-09-2018-13-09-16

Urbanismo

Para conhecer as cidades considerado o mais inteligente do Brasil

Escrito por: no 11/11/2015

O uso da tecnologia e inovação na solução dos problemas dos grandes centros urbanos, e como uma forma de melhorar a qualidade de vida da população para resumir o conceito de “Cidades Inteligentes”. E mesmo com os constantes desafios para a administração pública e para a população, há muitos exemplos de iniciativas e atitudes que tornam as cidades, assim, reconhecido.

Imagem: Urban HubImagem: Centro Urbano

Para mais claramente esta realidade, foi lançado em agosto deste ano, a proporção de cidades brasileiras que mais inteligente. A Posição Ligado Cidades Inteligentes (Ranking Geral de as Cidades Inteligentes e Conectados) foi que, em parceria com o consultor, os Sistemas Urbanos, e mapeados cerca de 700 municípios do país, pela escolha das 50 mais proeminente no desenvolvimento de soluções tecnológicas e áreas urbanas no país.

Entre as áreas com o uso de tecnologias avaliadas são a saúde, a mobilidade, governança, educação, empreendedorismo, meio ambiente e segurança. Por exemplo, no que diz respeito à mobilidade, o objetivo é pensar sobre o meio de transporte nas cidades, para reduzir o tempo gasto pela população com o tráfego. Novos métodos de ensino e a inclusão digital são as sugestões com relação à educação.

Além da avaliação através de indicadores, que também foi a análise de ações de alcance: até 100 mil habitantes de 100 a 500 mil e acima de 500 mil habitantes, de forma a não reduzir o impacto causado pelas diferenças entre as realidades dos municípios do país.

Cidades premiadas

O primeiro lugar de cidades com mais de 500 mil habitantes, foi para o Rio de Janeiro, com ênfase nas áreas de Tecnologia e Economia. Um total de 63 pontos, a cidade será 29,9 pontos. Logo atrás, ficaram em São Paulo, com 29,36 pontos. A cidade de são paulo é destacado na área de Mobilidade, com as recentes mudanças no setor de transporte coletivo. As ações em conectividade e a acessibilidade também é reconhecido na cidade.

O terceiro lugar foi para Belo Horizonte, com 28,91 pontos. O capital tem a atenção através de ações no ambiente e crescimento urbano baseado na sustentabilidade. O plano Estratégico de 2030 é uma das iniciativas do governo municipal de Belo Horizonte, que resultou no reconhecimento de uma cidade mineira. O objetivo é planejar ações urbanas, a curto, médio e longo prazo.

Belo Horizonte/MGBelo Horizonte/MG

Entre as cidades com número de habitantes entre 100 e 500 mil, a cidade que veio a primeira foi São Caetano do Sul. Já até 100 mil habitantes, Nova Lima, em Minas Gerais, foi a primeira cidade no ranking.

Para os indicadores em soluções inovadoras na área de Energia, a acentuação da cidade de são paulo, Pirassununga. Na saúde, a Vitória ficou com o primeiro lugar, é considerado como uma das cidades com o maior número de leitos per capita, e a cobertura de cuidados pela Equipe de Saúde da Família. Na educação, Florianópolis, é o campeão, e no empreendedorismo, o Brasil foi o destaque e o preço por iniciativas de apoio a empresas e novos negócios.

São Paulo/SP Imagem: ArchdailySão Paulo/SP Imagem: Archdaily brasil

A posição da avaliação das cidades considerado o mais inteligente e estimular novos passos que devem ser tomadas no futuro. Os municípios e a população só a ganhar!

Referências: Terra, Ligado Cidades Inteligentes

11 de novembro de 2015
0

  • /pinterest.com/pin/create/button/?url=https%3A%2F%2Fblogdaarquitetura.com%2Fconheca-as-cidades-consideradas-as-mais-inteligentes-do-brasil%2F&description=Conheça as cidades considerado o mais inteligente dos Brasil&media=https%3A%2F%2Fblogdaarquitetura.com%2Fwp-content%2Fuploads%2F2015%2F11%2Fcidades-inteligentes-blog-da-arquitetura.jpg’, ‘versão completa:’, ‘scrollbars=yes,width=800,height=400′);pop.focus();return false;’>

Brasil

cidades inteligentes

sustentabilidade

tecnologia

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*